quarta-feira, 5 de outubro de 2016

Pagou Dividas Com Sexo!



Eu confesso que adoro minha esposa, pois ela e uma bela putinha safada... Adora chupar meu cacete e eu gozo muito na boca dela, safada do jeito que é não deixa desperdiçar nada.
Desde os tempos de namoro que ela sempre foi uma tremenda boqueteira.
Fazemos muitas fantasias quando estamos transando, eu a provoco e ela adora quando eu digo em seu ouvido que vou comê-la na frente de outros machos, que vou deixar ela fuder muito gostoso com meu amigo e cunhado e que quero ficar só na punheta enquanto ela é fodida por outro na minha frente.
Caracas a Aline fica louca de tesão, pois deseja muito fazer um ménage.
-Então eu estou desempregado e meu cunhado que é o Marcos casado com minha irmã me emprestou um dinheiro e conversando comigo falou se eu não pagar esta semana o dinheiro dele quem vai pagar é minha esposa.
Caralho de merda Aline também esta sem trabalhar aí nós dois conversando depois de uma trepada rápida chegamos à conclusão que único jeito seria ela fazer programa. Ou quem sabe meu cunhado transar com ela em troca da extinção da divida.
Ficamos matutando e ficou decidido que iria falar com meu cunhado afinal sempre quisemos mesmo que ela trepasse com outro.
Será unir o útil ao agradável.
Assim que o dia amanheceu telefonei para meu cunhado falando que queria ter uma prosa com ele, todo grosseiro disse que não queria saber de prosa queria o dinheiro dele.
-Pois é Marcos justamente isto que quero te falar.
-Ah sim ele respondeu entusiasmado agora as coisas mudam de figura!
-Olha, mas eu não tenho dinheiro então Alice é quem vai pagar!
-Ah tudo bem ele disse e só marcar que vou aí buscar a minha grana.
-Eu ainda com a voz tremulo falei: olha Marcos o pagamento não é em dinheiro.
-Ué é em que então em joias?
-Não lembra que você outro dia me disse que eu era um cara de sorte por ter Alice como esposa que a achava muito gostosa?
-Sim disse e adoraria passar umas horas com ela, para ela saber como um macho fode de verdade, não você que fica parecendo tuberculoso que come em um prato só.
-Pois é venha que ela está aguardando você!
-Opa tem certeza disto?
-Sim esta tudo bem ela concordou e te espera ansiosa!
-Hum delicia e você seu corno?
- Vai ficar olhando eu foder com tua mulher?
-Não Marcos não vai ficar olhando, mas vou está em casa para ninguém desconfiar de nada.
-Ele apenas disse tudo bem só de saber que meu cunhado é corno já e bom imagine saber que ele vai transar com a mulher dele depois e ver ela toda arrombada, pois não vou ter pena vou botar para lá com ela, sempre foi meu sonho comer seu rabo, com esta bunda empinada já bati muitas punhetas só imaginando ela rebolando no meu pau.
-Calma ai Marcos não precisa também ser violento.
-Não e violência, só desejo acumulado. Já vou ligar para tua irmã dizendo que vou fazer extra na empresa. Espera ai que antes de 20 h chego ai.
E assim desligou o celular. Eu estava tremulo sem saber o que fazer, mas o que eu poderia fazer numa alturas destas?
Apenas esperar para depois do acontecido ver como ficaremos depois de deixar outro macho enfiar na xoxota deliciosa de minha mulher.
Podem até me xingar de corno, mas o tesão que estou sentindo neste momento supera o ciúme, sei que estaremos aliviados de uma divida além de realizar a fantasia de vê-la com outro macho!

Assim anoiteceu minha esposa tomou um banho vestiu uma roupa bem sexy jantamos e ficamos na sala ouvindo musica a espera do meu cunhado.
Pontualmente ele chegou, abri a porta para que entrasse nos cumprimentamos como dois homens adultos que sabem o que querem da vida ele cumprimentou minha esposa com um beijo na face e segurando em uma de suas mãos falou:
-Hum você esta cada dia mais bonita e... Gostosa, você tem sorte cunhado!
Perguntei se queria tomar algo ele agradeceu e aceitou uma dose de uísque.
Aline estava ansiosa, mas meu cunhado Marcos procurava quebrar o clima conversando até que ele disse: E ai cunhado vai ficar vendo ou volta depois para ver como ela esta saciada e feliz, tua irmã bem sabe como sou bom de cama.
-Sem muita demagogia Marcos, vou esperar aqui na sala.
-Olha então já vamos transar na sua cama vamos deixar a porta aberta para você ouvir os gemidos, são os juros de o empréstimo saber que meu cunhado é corno manso.
Eu apenas balancei a cabeça dizendo que tudo bem que Alice que decide como quer fazer.
Alice levantou segurou na mão de Marcos e falou vamos que estou ansiosa para terminar com tudo isto!
-E saíram os dois em direção a nosso quarto de casal. Alice e Marcos entraram no quarto deixando a porta aberta.
Eu ansioso e com tesão fiquei sentado no sofá onde poderia ouvir bem tudo que se passava no quarto.

 -Alice apagou a luz e pediu que deixasse a TV ligada assim dava uma meia luz ao ambiente, assim eu os ouvi conversando em pouco tempo Marcos já foi logo tirando a camisa e calça.
Pela sombra eu percebi que Alice estava sentada na cama e logo ela foi pegando no pau de Marcos e começou a chupar.
Isso Alice que boca gostosa aproveita meu pau e todo seu sua safada gostosa!
Caracas eu não aguentei e fui andando lentamente ficando de frente a porta vendo o que minha cabeça apenas imaginava. Alice mamava o pau de Marcos com uma gulodice que nunca tinha o visto fazer comigo daquele jeito.
Logo os dois estavam na cama fazendo um 69.
Nem sei como Alice conseguia com o pau de Marcos parecia um porrete de grosso.

Eles se chupavam e gemiam de tesão.
Alice logo gozou na boca de Marcos que ficou enlouquecido chupando o grelo da minha esposa, que safada rebolava como louca enquanto gozava.
Foi assim que mudaram de posição e em poucos minutos vi Marcos enterrar o pau imenso e grosso na xoxota de Alice, o fdp não colocou camisinha e ainda ficava falando que ia encher ela de leite pra o cunhado corno (eu) vim beber depois, eu enlouquecido de tesão com cacete na mão apenas alisava a cabeça que estava melando.
Marcos foi alternando as posições ora de papai e mamãe em instantes de quatro e estocava cada vez com mais força Alice pedia mais, gemia muito estava louca de tesão como eu nunca tinha visto e conforme ele ia aumentando as estocadas ela gemia mais e mais...
Depois de alguns minutos Marcos colocou Alice na beirada da cama e ficou em pé, vi com os olhos arregalados quando ele pegou colocou camisinha e começou a passar a cabeça do pau na entrada do rabo de Alice que ficou só rebolando, depois ele untou com um produto que nem conseguia ver qual era, encharcou o anelzinho dela semi- virgem untou bastante a cabeça do porrete e foi forçando aos poucos sem deixar Alice escapar, isto é se por acaso ela quisesse porque o que eu assistia era tudo com consentimento total dela.
E metia e parava ate ele perceber que nada mais tinha pra colocar, ai com movimentos de entra e sai ele foi acelerando cada vez mais até Alice começar urrar e Marcos entrar no clima anunciar o seu gozo.
-A minha esposa safada vai e grita que quer na boca.
Quase não acreditei quando a ouvi pedi leitinho na boquinha, ele imediatamente sem medir esforços joga camisinha longe e aponta a cabeça do pau na direção de minha doce Alice, que como uma desvairada com uma das mãos entre as coxas explode em um orgasmo intenso enquanto toma um banho de esperma.
Caracas o Marcos era realmente um garanhão, porque quanto mais transava parecia que o tesão não acabava.
Assim vendo aquele tesão todo eu como espectador também não aguentei explodi gozando e sujando minha roupa toda.
É meus amigos ser corno tem seus contratempos, mas também e muito prazeroso, assim o tempo foi passando eu sai pra ir me limpar aproveitei tomei um banho e quando volto estava o quarto no maior silencia.
Fui lentamente ver o que estava acontecendo e me deparo com mais uma cena envolvente Marcos deitado e minha doce esposa Alice rebolando com o pau dele todo atochado, perdi meu chão de rever novamente eles assim sai e fui pra o quarto de visitas e só sai pela manha.
Fui trabalhar sem nem olhar para Alice só a noite que conversamos, ela todo feliz me relatou todos os momentos, ainda sorrindo disse que Marcos saiu quase de madrugada com as pernas bambas...
-E eu trouxa pensando que a divida estava paga, paga que nada agora o Marcos além de cobrar ainda faz chantagem com fotos dele e minha esposa dizendo que pode me detonar na empresa mostrando para todos.
Eu e Alice conversamos foi quando falei de vender a minha motocicleta para pagar o debito, mas minha esposa não concordou alegando que precisava para me locomover para o trabalho.
Que ficasse calmo que ela quitaria o debito em breve... Com que todos já imaginaram não é?
-Pois é tem semanas que meu cunhado vem até minha casa duas vezes, algumas vezes vem pela tarde quando estou trabalhando e quando entro em casa já percebo o quarto com o cheiro suave do sexo. E louco de tesão eu e Alice fazemos um sexo muito gostoso... Ser corno é muito tesão.

DocecomoMel (hgata)
Feira de Santana, 05 de outubro de 2016.
Bahia Brasil


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...